Simular Financiamento

Identidade Digital–Certificado de Segurança da Caixa

Um novo serviço oferecido pela Caixa Econômica Federal, promete proporcionar maior segurança, confidencialidade e integridade às transações e muitas outras ações realizadas a partir da internet. O serviço em questão foi batizado de “Identidade Digital“, mas, você sabe exatamente como ele funciona? Pois bem, se não sabe veio ao lugar certo, porque neste artigo reunimos as principais informações necessárias para que você compreenda o funcionamento da novidade.

O que é a Identidade Digital?

Na prática, o nome Identidade Digital diz respeito ao Certificado Digital da Caixa. Com ele, o usuário consegue não só acessar o Conectividade Social, como também fazer uso da internet como meio de comunicação na hora de disponibilizar serviços com custo reduzido e segurança, tudo isso com a garantia de autenticidade. Além disso, os adeptos do novo benefício podem ter assegurada a proteção, isso graças à validade jurídica de transações e documentos eletrônicos enviados e/ou emitidos pela web. Não entendeu ainda o que isso significa? Pois é basicamente o que o próprio nome do serviço deixa claro: trata-se de uma identidade virtual intransferível e única, que assim como uma carteira de identidade física, atesta que o portador é realmente quem diz ser, só que nesse caso, no ambiente online.

identidade-digital-caixa

Como irá funcionar?

Atualmente, os interessados em ter Identidade Digital Caixa, a adquirem em forma de certificado digital ICP Brasil, que é oferecido em dois formatos distintos: o tipo A1 e o tipo A3.

Certificado A1

Nesse formato a pessoa física ou jurídica tem uma Identidade Digital gerada e armazenada diretamente no computador em que a emissão foi solicitada. Nesse caso, cabe ao portador a missão de fazer uma cópia de segurança do Certificado A1 em pendrive ou CD. Isso é importante para o caso de o computador ser formatado ou ocorrer algum tipo de imprevisto. Se não tiver a cópia de segurança e o Certificado Digital se perder em uma formatação, por exemplo, será necessário adquirir um novo Certificado A1. Vale dizer também que, em todo caso, esse tipo de certificado é válido por um ano a partir da data de emissão e a renovação é feita uma vez pelo mesmo período. A vantagem é que ele utiliza o próprio computador do usuário e dispensa, portanto, a necessidade de cartões inteligentes e Tokens.

Certificado A3

No caso do certificado do tipo A3, a Identidade é gerada, armazenada e processada em hardwares criptográficos, que seriam os cartões inteligentes (smartcards) ou token. Nesse caso, os chips desses dispositivos são os responsáveis pelo armazenamento das informações. O acesso é feito através de senha pessoal (PIN) criada pelo próprio titular. A validade do certificado A3 é de 3 anos e a renovação pode ser feita uma vez por igual período. Entre as vantagens estão a portabilidade e segurança elevada, já que possui caráter exclusivo por não permitir exportação ou cópia do certificado. Agora, vale dizer que este artigo é fruto da interpretação das informações preliminares sobre a Identidade Digital, estas disponíveis no próprio site da Caixa Econômica Federal. Você pode clicar no link abaixo para conferir diretamente no site da Caixa todas as informações na íntegra e fazer assim sua própria leitura sobre o funcionamento do serviço, bem como os benefícios e requisitos para a aquisição e utilização do mesmo. http://www.caixa.gov.br/empresa/identidade-digital/Paginas/default.aspx

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *